terça-feira, 11 de setembro de 2007

Para não escutar o canto do adeus...

Esse ano marca o retorno de um tradicional clube do estado à terceira divisão, o Canto do Rio, de Niterói.
O clube viveu situação curiosa durante a existência do estado da Guanabara. Apesar de ser niteroiense e, por tanto, de outro estado, jogava o Campeonato Carioca, da Guanabara.

Atualmente o clube se encontra na terceria divisão estadual. No último domingo, em casa, empatou com o Nova Cidade e está cada vez mais distante da classificação para a segunda fase da competição.

O alvianil niteroiense não conseguiu do Botafogo a liberação do Estádio Caio Martins para realização dos jogos e revezando suas apresentações entre o estádio do Cordeiro, em São Gonçalo, e o estádio do Cruzeiro, em Pendotiba.

Apesar da péssima campanha, as exibições da equipe mostram que há jogadores de bom nível técnico e, se o grupo adquirir entrosamento, pode ir longe na competição. No entanto, parece fundamental que se resolvam os fatores extra-campo, como a definição de um estádio que sirva de palco para as partidas e a segurança de que não haverá mais WO's por falta de ambulância.

A equipe está em quarto lugar na chave, que tem cinco equipes e folgará na próxima rodada, quando pode ver seus adversários diretos se afastarem ainda mais.

2 comentários:

Erwin Rommel disse...

Clubes tradicionais como o Canto do Rio e outros não podem sumir jamais, viva o Canto do Rio, CAMPO GRANDE, Céres e por aí vai...

Anônimo disse...

Viva o Canto do Rio...que consiga jogar logo em Caio Martins.